13/09/2013 | 06h02

FAMOSOS QUE PASSARAM POR FASES DE DAR MEDO

Com escândalos atrás de escândalos, alguns artistas chegaram a assustar as famílias e os fãs

FAMOSOS QUE PASSARAM POR FASES DE DAR MEDO Reprodução/
Foto: Reprodução

O mundo da fama é assim: ou as celebridades têm culhão para suportar o mundo inteiro os amando ou acabam buscando outros limites, já que lugar nos holofotes eles já têm de sobra. O problema é que esses limites muitas vezes estão dentro do mundo das drogas, e os holofotes que um dia foram desejo viram-se contra eles na busca de cliques bizarros que valham muito dinheiro.

Para assustar, não é preciso ser sobrenatural. Às vezes o real assusta bem mais. Eis algumas celebridades que protagonizaram momentos de arrepiar:

LINDSAY LOHAN
Tudo começou com o filme Operação Cupido, onde com apenas 10 anos Lindsay interpretou irmãs gêmeas em um filme querido que veríamos vááárias vezes na Sessão da Tarde. Depois, já adolescente, o boom da carreira foi com os filmes Sexta-feira muito louca e Meninas Malvadas, com os quais Lindsay passou a ser ídolo teen.

Mas, para ter sucesso, é preciso ter muita força para mastigá-lo... Depois de trabalhar bastante em filmes e séries de TV, a ruiva começou a sair muito, beber muito e chegar atrasada nos sets de filmagens (quando chegava). Drogas e álcool viraram rotina. Foi presa por roubar um colar, por dirigir embriagada, por porte de drogas... Foi condenada a trabalhar em um necrotério como faxineira e a frequentar sessões de psicoterapia judicial. Foi acusada também de atropelar um homem e agredir uma mulher em casa noturna. Frequentou várias rehabs e frequentemente estava nas revistas e sites de fofoca, com fotos mostrando o descuido com a aparência. A carreira de atriz/cantora ficou muito prejudicada e ela virou alvo de piadas.

Fase ídolo teen
Movies Animated Gif on Giphy

Fase fuck the Police

BRITNEY SPEARS
A menina que cantava “I’m not a girl, not yet a woman” nos anos 2000 também passou por uma fase bem difícil. Depois de ser boa moça e conhecida como princesa do pop, a fama pregou as suas peças. Britney começou a se envolver com drogas e todos os passos dela eram escancarados em revistas de fofocas. Em 2007, a cantora atacou o carro de um paparazzo com um guarda-chuva depois de ter raspado o cabelo. A assessoria dela diz que a mudança drástica no visual era consequência de um tratamento contra as drogas.

Britney também já teve problemas com os filhos. Ela deixou os filhos sozinhos no carro durante uma sessão de fotos, e teve que ser internada após se trancar no banheiro na tentativa de não entregar o filho para um segurança de Kevin Federline, pai da criança.

Fase I’m not a girl not yet a woman
Music Animated Gif on Giphy

Fase assustadora

MICHAEL JACKSON
O rei do pop teve lá os seus momentos bem conturbados. Em 2002, o episódio em que ele segurou seu terceiro filho com apenas um braço na sacada do quinto andar de um hotel causou bastante preocupação quanto ao estado mental do cantor. Michael segurou a criança pelo pescoço, e ela ainda tinha um pano cobrindo o seu rosto.
Por sorte, foi só um susto. Nada aconteceu com a criança.

Além disso, o cantor foi acusado por abusar sexualmente de crianças, mas pagou 3 milhões de fiança e respondeu ao processo em liberdade.

AMY WINEHOUSE
“Frank” e “Black to Black” foram os dois primeiros discos de sucesso da cantora, lançados em 2003 e 2006 respectivamente. Ao conhecer o assistente de produção Blake Fielder-Civil, que seria seu marido no futuro, Amy entrou no mundo das drogas pesadas. Em 2007, já casada e após ganhar um prêmio na MTV, ela deu entrada em um hospital por overdose. Passado o susto, os dois foram juntos para uma clínica no interior da Inglaterra. Vários escândalos começaram a acontecer: paralelamente com mais de duas milhões de cópias vendidas de um disco, Amy passava vexames em shows por estar sob o efeito de álcool e drogas.

Em 2007, foi presa pela primeira vez, situação pela qual ela passaria mais vezes. Começou a receber vaias em shows, foi internada mais vezes, cuspiu em um paparazzi, teve o visto americano negado para ir receber um Grammy. Em shows, ela esquecia as letras de músicas e chegou a dar um soco em um fã. Emagreceu muito e teve princípio de enfisema pelo uso de crack. Foi internada novamente.

Em 23 de julho de 2011, Amy foi encontrada morta.

Início da carreira

Depois das drogas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO PRA GENTE ;)

 
clicRBS
Nova busca - outros